Apresentação

Requisitos: Ensino Médio completo

Carga Horária Total: 3.227 horas (8 semestres)

Modalidade: presencial

Coordenação: Profa. Dra. Daiane Scopel Boff

E-mail: coordenacao.lm@caxias.ifrs.edu.br

Turno: manhã e noite (ingresso anual em turno alternado; para integralização do curso no tempo mínimo (4 anos), o aluno precisará cursar, a partir do 6º semestre, um componente curricular optativo e os estágios em turno diferente ao de ingresso)

Horários de atendimento da coordenadora: Enviar e-mail para: coordenacao.lm@caxias.ifrs.edu.br

Avaliação do MEC: confira na página do e-MEC

Atuação: o curso de Licenciatura em Matemática proporciona aos seus egressos exercerem a docência nas redes de instituições de ensino e pesquisa, nos órgãos governamentais e não-governamentais, no ensino fundamental, ensino médio ou médio integrado bem como a progressão de estudos no nível de pós-graduação.

Objetivos:

* Capacitar os licenciados para atuar em matemática na educação básica de escolas municipais, estaduais e particulares, desenvolvendo atitudes que integrem os conhecimentos científicos, tecnológicos, sociais e humanísticos.
* Formar professores da Educação Básica preparados para responder positivamente às demandas educacionais da sociedade;
* Garantir ao egresso o desenvolvimento das competências e habilidades necessárias ao exercício da profissão;
* Proporcionar uma formação que abranja ainda, os seguintes aspectos:
a) a concepção de uma visão de seu papel social de educador, com capacidade de se inserir em diversas realidades e sensibilidade para interpretar as ações dos educandos;
b) a compreensão da contribuição que a aprendizagem da Matemática pode oferecer à formação dos indivíduos para o exercício de sua cidadania;
c) o entendimento de que o conhecimento matemático pode e deve ser acessível a todos, além da criação da consciência de seu papel na superação dos preconceitos, traduzidos pela angústia, inércia ou rejeição, presentes no ensino-aprendizagem da disciplina.

Perfil do Curso: o curso de Licenciatura em Matemática tem a função habilitar profissionais de forma crítica, autônoma e criativa, para exercer suas funções docentes com coerência e capacidade técnica, didática e pedagógica, no sentido de modificar, melhorar, acrescentar e contribuir nos espaços educativos nos quais estão inseridos, com o intuito de buscar a construção de um ambiente educativo de qualidade social que vise a transformação desta sociedade desigual para uma sociedade justa e solidária.

Perfil do Egresso: o educador licenciado deve apresentar um perfil centrado em sólida formação geral, pedagógica e matemática com domínio técnico-científico dos estudos relacionados com a formação específica, peculiares ao curso. O egresso deve perceber-se e situar-se como sujeito histórico e político e desenvolver uma ação pedagógica que articule e promova os valores que fundamentam a vida democrática. Nesse sentido deve desenvolver o pensamento crítico para compreender a realidade e nela intervir positivamente, utilizando práticas educativas que observem a diversidade social, cultural e intelectual dos alunos e contribuam para a justificação e aprimoramento do papel social da escola, assim como para formação e consolidação da cidadania.

O perfil desejado do egresso do curso é aquele em que ele apresente:
a) capacidade de expressar-se escrita e oralmente com clareza e precisão;
b) capacidade de trabalhar em equipes multidisciplinares;
c) capacidade de compreender, criticar e utilizar novas ideias e tecnologias para a resolução de problemas;
d) capacidade de aprendizagem continuada, sendo sua prática profissional também fonte de produção de conhecimento;
e) habilidade de identificar, formular e resolver problemas na sua área de aplicação, utilizando rigor lógico científico na análise da situação-problema do cotidiano do aluno;
f) capacidade de estabelecer relações entre a matemática e outras áreas do conhecimento;
E que seja capaz de:
a) compreender os processos de ensino e de aprendizagem, elaborar os saberes e as atividades de ensino, sempre considerando a realidade social, os objetivos da escola básica, o cotidiano escolar e as experiências dos alunos.
b) participar de programas de formação continuada;
c) realizar estudos de pós-graduação;
d) trabalhar na interface da matemática com outros campos de saber.
e) possuir habilidades metodológicas de modo a poder escolher conteúdos matemáticos e procedimentos pedagógicos que favoreçam a aprendizagem significativa da matemática;
f) utilizar as tecnologias de informação e comunicação no processo de ensino e aprendizagem;
g) construir uma postura contínua de estudo, reflexão e análise de sua própria prática docente.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *